Museu da Cidade de São Paulo inaugura a exposição “Sotaques paulistanos da Bauhaus” sábado 17/08

Sotaques paulistanos da Bauhaus
Fotografias de Leonardo Finotti

Como tributo ao centenário da fundação da Bauhaus, o Museu da Cidade de São Paulo expõe na Casa Modernista o trabalho do fotógrafo Leonardo Finotti trazendo uma seleção que flagra, em nossa cidade, reverberações da escola alemã de design e artes aplicadas que tanto influenciou o desenvolvimento da arquitetura moderna em todo o mundo até os dias de hoje.

A exposição apresenta uma concisa série de imagens em preto e branco de 1×1 metro nos ambientes da casa projetada por Gregori Warchavchik em 1927. O diálogo entre os espaços da primeira construção modernista no Brasil e os registros de alguns exemplares da arquitetura de “inspiração bauhausiana” possibilita uma imersão poética singular que potencializa a percepção de conceitos e princípios do programa da escola presentes na paisagem paulistana.

A ênfase construtivista – guiada por rígidas premissas éticas que buscam a “verdade estrutural”, com materiais puros e sem revestimento, fundadas no compromisso da forma com a função e no emprego das novas tecnologias – resulta, também aqui, em geometrias simples e volumes monolíticos. Esse conjunto de orientações estéticas desdobra-se em expressões plásticas e técnicas que o amplia com sotaque diverso.

A seleção de registros da produção arquitetônica da cidade de São Paulo, realizada pelo arquiteto e fotógrafo Leonardo Finotti (Uberlândia, 1977), pretende estimular novos olhares ao vocabulário formal da Bauhaus a partir de aspectos em grande parte pouco usuais. Finotti dedicou os últimos 20 anos à documentação de construções no Brasil e no exterior, tendo colaborado com as mais relevantes pesquisas, publicações e exposições direcionadas à arquitetura moderna e contemporânea – temática presente nas milhares de imagens que compõem seu arquivo fotográfico.

Marcos Cartum
Diretor

Museu da Cidade de São Paulo

Departamento dos Museus Municipais